1 Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas) 2009 Vol: 14(1):. DOI: 10.1590/S1414-40772009000100010

Universidade comunitária e avaliação institucional: o caso das universidades comunitárias gaúchas

In the 1980s higher education experienced a series of transformations, commencing the debates about a new model of higher education institutions - the community university – and also of an evaluative culture in Brazil. During the following decades, this model of institution tried to strengthen its bases in the higher education scenario of the country, showing its primary characteristics and its differences from the public and the private branches of higher education. These universities were instituted in various regions of the country with emphasis in the southern region, where a Consortium of the Gaucho Community Universities (COMUNG) was created. They also developed their own mechanism of evaluation, with concerns about (re)thinking its teaching, research, extension and management methods. The purpose of this research is to achieve an understanding of the institutional evaluation system in community universities in southern Brazil and to verify how social responsibility is inserted in the evaluation process. It also studies the historical and cultural processes and the adaptations that were necessary when the National Higher Education Evaluation System (SINAES) was created.

Mentions
Altmetric
References
  1. BITTAR, Mariluce. O ensino superior privado no Brasil e a formação do segmento das universidades comunitárias. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 6, n. 2, p. , jun , 33-42 (2001) .
  2. BRASIL. Constituição. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado, 1988 , (1988) .
  3. BRASIL. Ministério da Educação. Lei n° 9.394, de 20 de dezembro de Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23 dez. 1996 , (1996) .
  4. BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Superior. Portaria nº 11, de 28 de abril de Institui Comissão Especial com a finalidade de analisar, oferecer subsídios, fazer recomendações, propor critérios e estratégias para a reformulação dos processos e políticas de avaliação do ensino superior e elaborar a revisão crítica dos seus instrumentos, metodologias e critérios utilizados. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 30 abr. 2003 , (2003) .
  5. BRASIL. Comissão Nacional para a Reformulação da Educação Superior. Uma nova política para a educação superior. Brasília Relatório final , (1985) .
  6. BRASIL. Ministério da Educação. Comissão Especial de Avaliação da Educação Superior (CEA). Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – SINAES: bases para uma nova proposta de avaliação da educação superior. Brasília , (2003) .
  7. BRASIL. Ministério da Educação. Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior. Diretrizes para a avaliação da educação superior. Brasília Disponível em: <Link Acesso em: 25 ago. 2007 , (2004) .
  8. BRITO, Márcia Regina F. de; LIMANA, Amir. O modelo de avaliação dinâmica e o desenvolvimento de competências: algumas considerações a respeito do ENADE. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 10, n. 2, p. , jun , 9-32 (2005) .
  9. DIAS SOBRINHO, José. Avaliação da educação superior. Petrópolis, RJ: Vozes , (2000) .
  10. ______. Avaliação: políticas educacionais e reformas da educação superior. São Paulo: Cortez , (2003) .
  11. ______. Avaliação da educação superior, regulação e emancipação. In: DIAS SOBRINHO, José; RISTOFF, Dilvo I. (Orgs.). Avaliação e compromisso público: a educação superior em debate. Florianópolis: Insular , (2003) .
  12. FRANTZ, Walter; SILVA, Enio Waldir da. As funções sociais da universidade: o papel da extensão e a questão das comunitárias. Ijuí: Unijuí , (2002) .
  13. FRANTZ, Walter. O processo de construção de um novo modelo de universidade: a universidade comunitária. In: RISTOFF, Dilvo; SEVEGNANI, Palmira (Orgs.). Modelos institucionais de educação superior. Brasília: INEP , (2006) .
  14. LEITE, Denise. Avaliação institucional participativa e a universidade socialmente empreendedora. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 10, n. 1, p. , mar , 51-70 (2005) .
  15. LIMA, Marcos Antonio Martins. A avaliação no contexto histórico brasileiro recente da educação superior. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 10, n. 2, p. , jun , 83-95 (2005) .
  16. MENEGHEL, Stela M.; LAMAR, Adolfo Ramos. Avaliação como construção social: reflexões sobre as políticas de avaliação da educação no Brasil. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 6, n. 4, p. , dez , 17-26 (2001) .
  17. MOROSINI, Marília Costa (Org.). Enciclopédia de pedagogia universitária: glossário. Brasília: INEP v. 2 , (2006) .
  18. RISTOFF, Dilvo; GIOLO, Jaime. O SINAES como sistema. RBPG, Brasília, v. 3, n. 6, p. , dez. Disponível em: <Link Acesso em: 20 ago. 2007 , 193-213 (2006) .
  19. SEMINÁRIO TEMÁTICO DO PAIUNG, 3, 2001, Santa Cruz do Sul, RS. Anais: avaliação institucional nas universidades face às políticas públicas. Organização: Ana Karin Nunes; Marcos Moura Baptista dos Santos. Santa Cruz do Sul, RS: EDUNISC 112p. Disponível em: <Link. Acesso em: 04 abr. 2007 , (2002) .
  20. SEMINÁRIO PAIUNG, 2003, Ijuí, RS. Anais: uma década de avaliação institucional integrada. Oganizadores: Ana Karin Nunes; Cleide Fátima Moretto; Magna Stella Cargnetti Dalla Rosa. Ijuí, RS: [s. n.] 95p. Disponível em: <Link Acesso em: 04 abr. 2007 , (2003) .
  21. VANNUCCHI, Aldo. A universidade comunitária. São Paulo: Loyola , (2004) .
Expand