1 Revista de Economia Política 2010 Vol: 30(3):. DOI: 10.1590/S0101-31572010000300009

Situando o desenvolvimento rural no Brasil: o contexto e as questões em debate

Addressing rural development discussions in Brazil: context and issues of debate. The work analyzes the main theoretical trends and subjects that integrate the recent Brazilian debate about rural development. We agued that the agenda of the rural development in Brazil, on which actively participate scholars, organizations and institutions, have been formulated by the State and the public politics implemented since the beginning of the 1990. Among the factors that had influenced the emergency of the debate about rural development is distinguished the increasing social and political legitimating of family farming and the agrarian reform, the reorientation of the state policies, the increasing sharply political and ideological quarrels with the agribusiness wing and the matters about sustainability. It is also argued that the analytical and interpretative references that have being used by the scholars are still diffuse and varied, but has been capable to influence the policy makers.

Mentions
Altmetric
References
  1. ABRAMOVAY, R. "Entre Deus e o diabo: mercados e interação humana nas ciências sociais", Tempo Social, 16 (2) , 35-64 (2004) .
  2. ABRAMOVAY, R. O Futuro das Regiões Rurais. Porto Alegre: Ed. UFRGS, Porto Alegre , (2003) .
  3. ABRAMOVAY, R. "Para una teoría de los estudios territoriales", in MANZANAL, M.; NEIMAN, G. e LATTUADA, M.(orgs.) Desarrollo rural: organizaciones, instituciones y territorios. Buenos Aires: Ciccus , (2006) .
  4. ABRAMOVAY, R. Paradigmas do capitalismo agrário em questão. São Paulo: Hucitec , (1992) .
  5. ALMEIDA, J. A construção social de uma nova agricultura. Porto Alegre: Editora da UFRGS , (1999) .
  6. ALMEIDA, J. "Agroecologia: nova ciência, alternativa técnico-produtiva ou movimento social?" In: RUSCHEINSKY, A. (org.), Sustentabilidade: uma paixão em movimento. Porto Alegre: Editora Sulina , (2004) .
  7. ALMEIDA, J. e NAVARRO, Z. Reconstruindo a agricultura: ideias e ideais na perspectiva do desenvolvimento rural sustentável. Porto Alegre, Editora da UFRGS , (1997) .
  8. ALTIERI, M. Agroecology: the scientific basis of alternative agriculture. Boulder, Westview Press , (1987) .
  9. BAIOCCHI, G. "Inequality and innovation: decentralization as an opportunity structure in Brazil". University of Pittsburgh, Draft Revised March, 2003 , (2003) .
  10. DEL GROSSI, M.; GRAZIANO DA SILVA, J. e CAMPANHOLA, C. "O que há de realmente novo no rural brasileiro?" Cadernos de Ciência e Tecnologia, Brasília, 19 (1): 2002 , (2002) .
  11. DELGADO, N.G. "Papel e lugar do rural no desenvolvimento nacional". Brasília, IICA-MDA-CONDRAF, Texto para Discussão , (2009) .
  12. EHLERS, E. Agricultura sustentável: origens e perspectivas de um novo paradigma. São Paulo: Livros da Terra , (1996) .
  13. FAO/INCRA Diretrizes de Política Agrária e Desenvolvimento Sustentável. Brasília, Versão Resumida do Relatório Final do Projeto UTF/BRA/036 , (1994) .
  14. FAVARETO, A. "Agricultores, trabalhadores: os trinta anos do novo sindicalismo rural no Brasil", Revista Brasileira de Ciências Sociais, 21 (62) , (2006) .
  15. FOX, J. "Democratic rural development: leadership accountability in regional peasant organizations", Development and Change, 23 (2) , (1990) .
  16. GRAZIANO DA SILVA, J. O novo rural brasileiro. Campinas, UNICAMP, Instituto de Economia, 1999. (Coleção Pesquisas, 1) , (1999) .
  17. GRAZIANO DA SILVA, J. "Quem precisa de uma estratégia de desenvolvimento". Textos Para Discussão Nead, Campinas/SP, v. 2 , 5-52 (2001) .
  18. GUANZIROLI, C.E. et.alii. "Novo retrato da agricultura familiar: O Brasil redescoberto". In: GUANZIROLI, C.E. et.ali. Agricultura familiar e reforma agrária no século XXI. Rio de Janeiro, Garamond , (2001) .
  19. GUANZIROLI, C.E. "PRONAF dez anos depois: resultados e perspectivas para o desenvolvimento rural', Revista de Economia e Sociologia Rural (SOBER), 45 (2) , 301-328 (2007) .
  20. IPEA Políticas sociais — acompanhamento e análise. Brasília, IPEA, Edição especial nº 13 , (2007) .
  21. KUGELMAS, E.; SOLA, L. "Descentralização/recentralização: a dinâmica do regime federativo no Brasil na década de 1990", Revista Tempo Social, 11 , (1999) .
  22. LAMARCHE, H., coord. A agricultura familiar I: uma realidade multiforme. Campinas: Editora da UNICAMP , (1993) .
  23. LEITE, S.P. "Estado, padrão de desenvolvimento e agricultura: o caso brasileiro", Estudos Sociedade e Agricultura, 13(2) , 280-332 (2005) .
  24. MARTINS, J.S. O poder do atraso. Ensaios de sociologia da história lenta. São Paulo: Hucitec, 2ª Edição , (1999) .
  25. MARTINS, J.S. O Sujeito oculto. Ordem e transgressão na reforma agrária. Porto Alegre: Ed. UFRGS , (2003) .
  26. MARTINS, J.S. Os camponeses e a política. As lutas sociais no campo e seu lugar no processo político, Rio de Janeiro: Vozes, 1ª Edição , (1981) .
  27. MARTINS, J.S. Reforma agrária: o impossível diálogo. São Paulo: Editora USP , (2000) .
  28. MDA/CONDRAF. Diretrizes para o Desenvolvimento Rural Sustentável. Brasília-DF, MDA, Série Documentos nº 03, junho , (2006) .
  29. MELO, M.A. "A política da ação regulatória: responsabilização, credibilidade e delegação", Revista Brasileira de Ciências Sociais, 16 (46) , 55-69 (2001) .
  30. NAVARRO, Z. "Desenvolvimento rural no Brasil: os limites do passado e os caminhos do futuro", Revista Estudos Avançados, 16 (44) , 83-100 (2001) .
  31. NAVARRO, Z. Manejo de recursos naturais e desenvolvimento rural: um estudo comparativo em quatro estados brasileiros (lições e desafios). Relatório ao Banco Mundial , (1999) .
  32. NAVARRO, Z. "Mobilização sem emancipação: as lutas sociais dos sem terra no Brasil", In SANTOS, B.S., org. Produzir para Viver: Os Caminhos da Produção Não Capitalista. São Paulo: Civilização Brasileira , (2002) .
  33. SABOURIN, E. "Que política pública para a agricultura familiar no segundo governo Lula?" Sociedade e Estado, 22 (3) , 715-751 (2007) .
  34. SADER, E. Quando novos personagens entraram em cena. Rio de Janeiro: Paz e Terra , (1988) .
  35. SANTOS, M.J. "Projeto alternativo de desenvolvimento rural sustentável", Revista Estudos Avançados, 16 (44) , (2001) .
  36. SOUZA FILHO, H.M e BATALHA, M.O., org. Gestão Integrada da agricultura familiar. São Carlos-SP: Editora da UFSCAR , (2005) .
  37. VEIGA, J. E. "O Brasil rural precisa de uma estratégia de desenvolvimento". Brasília- DF, NEAD, Texto para Discussão nº 01 , (2001) .
  38. VEIGA, J. E. O desenvolvimento agrícola: uma visão histórica. São Paulo: Hucitec , (1991) .
  39. VEIGA, J.E. Cidades Imaginárias: o Brasil é menos urbano do que se calcula. Campinas-SP: Editora Autores Associados , (2002) .
  40. VEIGA, J.E. Desenvolvimento sustentável. O desafio do Século XXI. São Paulo: Garamond , (2006) .
  41. WILKINSON, J. "A agricultura familiar ante o novo padrão de competitividade do sistema alimentar na América Latina", Estudos Sociedade e Agricultura, n.21 , (2003) .
  42. WILKINSON, J. "A contribuição da teoria francesa das convenções para os estudos agroalimentares", Ensaios FEE, 20 (2) , 64-80 (1999) .
  43. WILKINSON, J. "Da ditadura da oferta à democracia da demanda", Teoria e Sociedade, v. 6 , 260-278 (2000) .
  44. WILKINSON, J. "Network theories and political economy: from attrition to converge", In MARSDEN, T. and MURDOCH, J., ed. Between the local and the global. Research in Rural Sociology and Development, Vol. 12, Oxford/UK: JAI Press , (2006) .
Expand